Era Uma Vez...


Era uma vez um menino que tinha uns olhinhos muito escuros. Sempre muito abertos, prontos a olhar lugares mais diversos.
Ele não tinha o nariz grande, nem tão pouco bicudo até era redondinho; mas o certo é que o menino, metia o nariz em tudo.

Usava uma camisola às riscas de cores diversas, vestida sempre às avessas…E as calças do menino também não eram normais; tinham fundilhos velhos, eram rotas nos joelhos e caiam-lhe demais! Os sapatos estavam gastos, muito gastos e estafados de tanto pontapé, tanta correria este menino fazia para a frente, para traz, para os lados.

Ele era capaz de levar uma lata a pontapé, desde o cimo da avenida até lá baixo, à beira do café! E andava de bicicleta de umas maneiras tais…com os pés no guiador e os pés nos pedais!
Com um buraco na sacola, lá ia ele para a escola. Era quem sabia melhor a tabuada de cor! E quem fazia mais depressa as contas de cabeça! E ele fazia também os recados á mãe. Ia ao pão, ia ao arroz, à couve, ao rabanete e vinha tão depressa como se fosse um foguete.

Os irmãos mais pequeninos, ele gostava de guardar; tratava-os com muito amor, e ensinava-os a brincar. Também era muito amigo das pessoas idosas e das que não viam nada, pois ele ia sempre ajuda-las a atravessar a estrada.

Bom, meus meninos, que conclusão a tirar, do que acabo de contar? Afinal, estes meninos endiabrados a valer, também sabem fazer bem, também sabem bem-querer.
efeneto

9 comentários:

Rui Caetano disse...

Uma texto muito bonito. Os meninos são mesmo assim. Um bom fim de semana.

GarçaReal disse...

Os meninos transportam sempre uma alma nobre a transborbar de carinho!

Lindo e belo como só tu sabes escrever.

Beijo sempre enorme

Alice disse...

meninos ...meninos....hhmmmmm
lindo texto !!
bjusssssssss

BANDEIRAS disse...

Boa noite,

Menino engraçado, levado da breca, brejeiro, meigo, um anjo travesso.
Adorei o texto.
bjs.

manuela disse...

Uma história cheia de ternura e com uma doçura que nos transporta de novo à infância...a minha filha de dez anos leu e adorou, deliciou-se com cada palavra...beijos, amigo.

Olhos de mel disse...

Oie meu amigo lindo! Que belo texto! Doce como tudo que escreve... Muitas vezes os meninos danados, querem apenas chamar atenção.
Boa semana, lindinho!
Beijos

pessoa nenhuma disse...

"olhem para mim!!!reparem em mim" - gritos de uma doce infancia...
beijo doce efeneto

efeneto disse...

*todos*
Obrigado pelo vosso carinho e fidelidade a este espaço de partilha.

rosa dourada/ondina azul disse...

Uma história muito bem contada, a transbordar de ternura :)

Afinal esses meninos também sabem amar...


Beijinho,